Foto ilustrativa com gráficos financeiros
Ícone de um calendário
19/05/2020
Categorias
Rentabilidade e Investimentos

Perfis de investimento do Plano PAI registram rentabilidade positiva em abril de 2020

Depois de um primeiro trimestre de grande apreensão e forte volatilidade por conta da crise do coronavírus que se espalhou pelo mundo, o mercado financeiro parece ter retomado o fôlego e voltou a “respirar” em abril, mesmo que de forma ainda instável, registrando a recuperação de alguns ativos de risco.

Esse movimento para cima pode ser atribuído principalmente às novas medidas de estímulo divulgadas no Japão, e aos anúncios de reabertura gradual de países europeus e de algumas regiões dos Estados Unidos, onde o pico de contaminação da doença parece estar ficando para trás.

Diante dessas notícias, a reação do mercado foi rápida e pontual, o que acabou garantindo que o bom desempenho dos ativos favorecesse também os perfis de investimento do Plano PAI, resultando em retornos positivos para os três perfis: Conservador, Moderado e Agressivo.

Com investimentos basicamente em títulos de renda fixa e estruturado, o perfil Conservador fechou o mês de abril com uma rentabilidade de 0,28%, contra – 0,20% do mês anterior, equiparando-se ao CDI que registrou a mesma taxa (0,28%) e ficando levemente abaixo em relação ao benchmark de 0,33%.

Nos perfis de maior risco, os efeitos do otimismo em abril foram ainda mais perceptíveis. Após dois meses com resultados negativos (fev –1,66%; e março – 6,36%), a rentabilidade do perfil Moderado ficou em 3,44%, acima do benchmark de 3,12%, e no acumulado de 12 meses está em 4,47%.

Já o perfil Agressivo alcançou uma rentabilidade de 5,30%, amenizando, de certa forma, parte das perdas sofridas em fevereiro (-3,03%) e março (-10,75%) e apresentando performance superior a meses anteriores se comparado ao histórico de rentabilidade dos últimos dozes meses. A melhora no retorno dos perfis de maior risco é reflexo da recuperação parcial das bolsas globais, apesar de ainda seguirem com performances negativas no ano. No Brasil, o Ibovespa fechou abril com alta de 10,25%, mas no acumulado de 12 meses segue negativo em -16,45%.

Alento em meio à tempestade

Os resultados mais favoráveis registrados em abril chegam como um alento nesse período tão conturbado que estamos vivendo, mas ainda é cedo para afirmamos que não teremos grande volatilidade pela frente. Vale lembrarmos que, no que diz respeito a investimentos, os movimentos são cíclicos e o risco de novas quedas e rentabilidades negativas nos próximos meses ainda está muito presente, daí a importância da visão de longo prazo.

Por ora, como já temos repetido em nossos comunicados, o momento exigirá de todos paciência, cautela e resiliência para superarmos mais esta crise. Da nossa parte, continuaremos trabalhando em conjunto com nossos gestores em busca dos melhores investimentos, e mantendo sempre uma comunicação objetiva e transparente com nossos participantes e assistidos.

Clique aqui para acessar o relatório de alocações de abril e conferir mais informações sobre o cenário econômico no Brasil e no mundo.

Lembramos ainda que, em caso de dúvidas ou mais informações, você pode entrar em contato com a equipe de Atendimento da Fundação Itaúsa pelos canais que já conhece: atendimento@funditausaind.com.br ou pelos telefones (11) 3179.7233/ 7419/7448.

Notícias e publicações mais recentes
Ícone de um calendário
14/06/2022

Dia Mundial de conscientização da violência contra a pessoa idosa

Ícone de link

A Fundação Itaúsa Industrial alerta a sociedade e repudia todo tipo de violência ou discriminação contra essa população

Ícone de um calendário
20/05/2022

Aniversário do Plano PAI

Ícone de link

Há 21 anos ajudando você na construção do seu pós-carreira

Ícone de um calendário
29/04/2022

Composição dos Conselhos e Diretoria Executiva

Ícone de link

Conheça a nova composição do Conselho Deliberativo, Conselho Fiscal e Diretoria Executiva para o período de gestão 2022-2024

Voltar para a página anterior Ícone de link